Chronos do Tempo

O mundo dos relógios e jóias
Por 2,4 milhões... peça de arte, ou instrumento de escrita?
25/Jul/2014
Montblanc Monte Celio

Baptizada de Monte Celio e exibindo um diamante de quase 12 quilates, e com um “corpo” adornado com 1.500 diamantes e safiras cor-de-rosa, A Monte Cielo da Montblanc é uma verdadeira obra-prima, ou melhor, é um tesouro que se reflecte no seu preço: € 2.400.000. É um instrumento de escrita, ou uma peça de arte?


Junto com o Aventino, Capitolino, Palatino, Esquilino, Quirinal e Viminal, o Célio, ou Monte Celio, é uma das sete colinas de Roma que se encontram a leste do rio Tibre, e foi a inspiração por trás desta peça única e extraordinariamente luxuosa da Montblanc


Replicando o uso de Tessera (os pequenos azulejos que os artistas da antiguidade meticulosa e pacientemente montavam, um por um, para produzir mosaicos), seja em padrão xadrez preto e branco, ou a cores, para representar quadros reais, os artesãos da Montblanc arranjaram forma e arte para decorar com diamantes e safiras rosa este instrumento de escrita, num estilo que lembra os adornos de casas antigas.


No entanto, a inspiração para esta peça única também vem da própria pedra: um diamante de 11,88 quilates da mais alta pureza. Foram precisos oito anos de trabalho para cortar seus 53 lados e ajustá-lo no topo da tampa. Um trabalho com a mestria dos artesãos da marca.


Esta mesma experiência e arte foi necessária para selecionar cuidadosamente, um a um, os 15,6 quilates de diamantes, e 5,22 quilates de safiras, de modo a produzir o efeito, do mais escuro para o tom mais leve, que lembra a forma como um artista na Roma antiga reproduziria uma fonte decorativa no fresco de uma “villa”.


No design da caneta, com suas curvas evocando a arte estatuária que decorou as “villas” romanas de Monte Celio, sobressai o clipe, que termina com uma pétala delicada de 0,45 quilates de safira rosa. Finalmente, a gravação, em forma de coração no aparo de ouro, presta homenagem à arte vivida na história do Império Romano.


A Montablanc Monte Celio é um instrumento de escrita, ou melhor, um objeto de arte usável e projectado para resistir ao tempo, tal como as antigas Termas de Caracalla, cujo esplendor brilha atéaos dias de hoje.


Montblanc Monte Celio
Montblanc Monte Celio
Pormenor da Montblanc Monte Celio
Pormenor da Montblanc Monte Celio
A nova Meisterstück Ultra Black da Montblanc

Um ícone do design, a Montblanc Meisterstück assume uma nova e surpreendente aparência inspirada pela herança da... Ler mais

Luz, cor e a irreverência de Andy Warhol

Luz, cor e a irreverência de Andy Warhol, marcaram ontem a Avenida da Liberdade, em Lisboa.

Montblanc homenageia Andy Warhol

Integrada na colecção Great Carachteres, a Montblanc homenageia o mítico Andy Warhol, nome grande da arte... Ler mais

A nova linha Montblanc M by Marc Newson

A Montblanc associou-se ao famoso estilista Marc Newson e, desta "união", nasceu uma nova linha de instrumentos de... Ler mais

Montblanc Great Character John F. Kennedy

A Montblanc apresenta anualmente o instrumento de escrita Great Character que homenageia pessoas influentes que... Ler mais

Caran d’Ache Fernando Pessoa

A marca suíça produziu aquela que é a primeira colecção na escrita de luxo inspirada e dedicada a uma personalidade... Ler mais

Cascade Resort... Um outro Algarve

Nos tempos que correm, em que - um pouco por todoo lado - nos sentimos "invadidos" por turistas de todas as nacionalidades e tipos, ainda há... Ler mais

Novo Mazda CX5 chega a Portugal

A Mazda apresentou o novo Mazda CX-5, modelo completamente redesenhado do seu actual best-seller a nível europeu.

Pebble Beach "apresenta"  Vision Mercedes-Maybach 6 Cabriolet

No evento deste ano que reúne os mais fantásticos automóveis clássicos do mundo, decorrido em Pebble Beach, Califórnia, a Mercedes-Benz apresentou... Ler mais